Artigo

Descubra tudo sobre o prontuário eletrônico

Por:
Publicado em 28/12/2020

Descubra tudo sobre o prontuário eletrônico

Um prontuário eletrônico traz diversas vantagens para os profissionais de saúde, como otimização do tempo, mais proteção dos dados médicos e personalização das consultas.

Utilizar um prontuário de papel é praticamente inviável para os médicos da era pós-digital, que não precisam mais reservar salas apenas para armazenar documentos físicos.

Além disso, muitos profissionais buscam modernizar cada vez mais seu consultório, e contam com a ajuda de inovações tecnológicas como o prontuário eletrônico.

A resolução n° 1.638/2002 do CFM define o prontuário como:

> “documento único constituído de um conjunto de informações, sinais e imagens registradas, geradas a partir de fatos, acontecimentos e situações sobre a saúde do paciente e a assistência a ele prestada, de caráter legal, sigiloso e científico […].”

Você concorda que é difícil adicionar imagens e documentos de forma prática em um prontuário de papel?

Para seguir as exigências de segurança do CFM, é necessário ter uma ferramenta eficiente, como um prontuário eletrônico. 

Continue neste artigo você para aprender tudo sobre essa inovação tecnológica!

O que é prontuário eletrônico?

Segundo um estudo da SEGeT, o prontuário eletrônico possui mais vantagens que o prontuário de papel, como redução de custos, e impossibilidade de adulteração da história clínica do paciente.

> “O Prontuário Eletrônico do Paciente pode representar um novo conceito de tratamento da informação em saúde e servir de instrumento para auxiliar no diagnóstico e no tratamento da saúde de uma pessoa, onde quer que ela esteja, e sob quem quer que estejam os seus cuidados médicos.”

De forma prática, o prontuário eletrônico é uma versão online do prontuário tradicional, e seu uso começou a ser popularizado a partir dos anos 80.

Diversas instituições e governos começaram a estimular o uso do prontuário eletrônico, permitindo que os prontuários de papéis fossem eliminados, caso eles fossem transferidos para uma versão digital. 

Esse estímulo teve diversos motivadores, como a redução do uso de papel que impacta diretamente o meio ambiente, a diminuição dos custos na área da saúde, entre outros.

Quais informações preciso adicionar no prontuário eletrônico?

Assim como no formato de papel, algumas informações são obrigatórias no prontuário eletrônico:

  • identificação do paciente;

  • anamnese;

  • exames, caso tenha;

  • hipóteses diagnósticas do profissional de saúde;

  • diagnósticos definitivos; 

  • tratamentos e procedimentos realizados.

Apesar de em essência, os dados contidos nos prontuários serem os mesmos, o prontuário eletrônico possui diferenciais que fazem toda a diferença na rotina médica.

5 principais vantagens do prontuário eletrônico

Veja a seguir quais são os benefícios que um bom prontuário eletrônico oferece aos médicos. 

1. Histórico mais completo dos pacientes

Os profissionais que utilizam prontuário de papel sabem que é extremamente difícil mantê-los atualizados e organizados, sem contar na dificuldade de encontrar a ficha de um determinado paciente em meio de uma pilha de documentos.

Em um prontuário eletrônico, o histórico dos pacientes costumam ser mais completos, porque as informações ficam centralizadas em um único local, sem ocupar nenhum espaço do consultório.

Os médicos sabem que um histórico completo é imprescindível para se obter um diagnóstico assertivo, e essa é uma das principais vantagens do prontuário eletrônico do paciente.

2. Armazenamento na nuvem

Armazenamento na nuvem significa que suas informações são salvas em um servidor seguro da internet, e não diretamente em um dispositivo, como acontece com o Facebook. 

Você pode acessar o Facebook de dispositivos diferentes e de vários locais, desde que tenha seu login e senha.

Um prontuário eletrônico armazenado na nuvem também funciona dessa maneira. 

Além de garantir uma excelente praticidade, principalmente em situações de emergência, você também consegue atender seus pacientes em diferentes locais, caso seja necessário.

3. Segurança dos dados médicos

Um prontuário de papel pode ser facilmente olhado por qualquer pessoa, e acidentes simples como derramamento de líquidos, até mesmo furtos, podem fazer com que os dados sejam perdidos completamente. 

A segurança de um prontuário eletrônico é imensamente maior por conta de alguns aspectos:

  • Diferentes níveis de acesso: o armazenamento na nuvem garante que cada profissional tenha o nível de acesso adequado. Profissionais da recepção, por exemplo, não têm acesso ao prontuário dos pacientes.

  • Criptografia ao nível bancário: você também conta com um conjunto de códigos e processos que impossibilitam a leitura das informações por pessoas não autorizadas.

  • Desenvolvedores especialistas em segurança: os prontuários eficientes foram desenvolvidos por profissionais especializados em segurança de dados.

  • Transparência: com um prontuário eletrônico você consegue assegurar para seus pacientes que as informações estão salvas de forma segura, e podem ser enviadas de qualquer lugar.

  • Impossibilidade de alteração após término da consulta: os prontuários eletrônicos de qualidade também seguem as exigências das instituições médicas, e garantem que nenhuma informação da consulta possa ser alterada após seu término.

Características essenciais, principalmente com a chegada da LGPD, não concorda?

4. Prontuário totalmente personalizável

No começo do artigo, citamos algumas informações que todo prontuário deve conter, como nome do paciente, hipóteses diagnósticas, entre outras.

Um prontuário eletrônico permite que você personalize completamente o documento. Isso significa que você pode adicionar perguntas, seções com cálculos automáticos, curvas de crescimentos, odontograma, e outras personalizações.

Com um prontuário personalizável, você não esquece de nenhum detalhe, e pode finalmente ter a anamnese que sempre costuma fazer, de forma prática e rápida.

5. Mais tempo para focar nos pacientes

Todas as características do prontuário eletrônico, como a personalização, segurança e histórico mais completo, acabam agilizando a consulta, já que você não perde tempo procurando documentos e escrevendo no papel.

Com essa agilidade, você consegue ter mais tempo para focar em atividades de fato, produtivas e importantes, como explorar as queixas dos pacientes e tirar dúvidas.

O prontuário eletrônico possui desvantagens?

Sim, assim como qualquer ferramenta, o prontuário eletrônico também não é perfeito. Se você não tiver acesso à internet, por exemplo, não conseguirá acessar a funcionalidade. 

Porém, a internet exigida costuma ser pequena, e o próprio 3G do smartphone consegue acessar o prontuário. 

No início, você também precisará investir tempo para personalizar seu prontuário, além de dinheiro para adquirir a ferramenta, mas tudo isso trará ótimos resultados e vantagens, como vimos no conteúdo. 

Se você deseja ter todos esses diferenciais, leia o artigo da Iclinic sobre como escolher o melhor prontuário eletrônico

Gostou do conteúdo? Compartilhe com seus amigos!

Inscreva-se em nossa newsletter

Receba por e-mail conteúdos sobre Marketing Digital para saúde.


A importância de um atendimento ao paciente de qualidade

Artigo

A importância de um atendimento ao paciente de qualidade

Receba nosso conteúdo VIP