Artigo

4 vantagens de ter um prontuário eletrônico na clínica

Publicado em 18.05.2018

4 vantagens de ter um prontuário eletrônico na clínica

O prontuário eletrônico veio para facilitar a vida do médico, integrar dados e melhorar a qualidade do atendimento, impactando de forma positiva no tratamento do paciente.

Se você ainda não aderiu a essa tecnologia, vai entender neste artigo todos os benefícios que ela pode trazer para seu dia a dia. E se você está inseguro em realizar essa mudança, fique tranquilo! Há sistemas de prontuário muito fáceis de usar e que possuem a segurança de dados de nível bancário.

4 vantagens do prontuário eletrônico

Agilidade no atendimento

O uso de fichas e arquivos em papel ainda acontece nas clínicas, porém, médicos e secretárias já sentem que essa prática é cada vez mais inviável com a grande quantidade de trabalho e o intenso fluxo de pacientes. Essa técnica, que deveria organizar as informações e atividades, na verdade acaba atrapalhando o fluxo de trabalho.

O prontuário eletrônico vem para evitar a perda de informações e de tempo. A secretária atualiza a agenda e o cadastro do paciente em poucos minutos, sem precisar carregar montes de papéis. E o médico não precisa mais ter todos os prontuários em sua mesa, podendo acessá-los em poucos cliques.

Essa agilidade aumenta a satisfação dos pacientes, pois são atendidos com rapidez e eficiência. Para a clínica, os processos da consulta são feitos com maior praticidade, permitindo até mesmo atender um maior número de pacientes e com uma qualidade ainda melhor.

Acesso de qualquer lugar

Já imaginou ter uma emergência e conseguir acessar os dados de seus pacientes de onde estiver? Tudo isso com segurança e usando um celular ou tablet. Mais do que praticidade, o acesso remoto aos dados de prontuário possibilita ao médico estreitar o relacionamento com seus pacientes.

Além de visualizar informações, é possível emitir receituários online em casos extraordinários e oferecer suporte ao paciente da sua casa ou de qualquer lugar do mundo. O melhor é que, com seu e-mail e senha ou então com seu e-CPF, você garante que só você mesmo terá acesso a esses dados.

Com recursos que trazem facilidade e segurança para o dia a dia dos profissionais de saúde, o prontuário eletrônico já é uma realidade capaz de melhorar o atendimento nos consultórios brasileiros.

Segurança dos dados

Manter o sigilo de dados é um importante pilar da ética médica. Por isso, é imprescindível que o seu sistema de prontuário ofereça criptografia dos dados.

Além de manter em sigilo as informações armazenadas no software, esse recurso protege você contra tentativas de roubo de dados. Contar com backups diários de arquivos em nuvem também é um importante diferencial para proteger as informações de seus pacientes e seu consultório.

Para entender como funciona a segurança de dados na tecnologia em nuvem, você pode assistir a esse vídeo que explica como ela é aplicada às clínicas.

Integração de dados e histórico do paciente

Um dos maiores desafios no serviço da saúde é a centralização de informações dos pacientes. Como ter os exames mais recentes em mãos? Como manter um histórico bem organizado e em dia a respeito do tratamento? E tudo isso em um só lugar de fácil acesso…

Esse é mais um benefício da utilização do prontuário online. Com ele, você consegue anexar arquivos, fotos e cópias de exames ao histórico do paciente.

Conforme as informações são adicionadas, forma-se uma linha do tempo no prontuário do paciente, o que facilita, inclusive, a busca pelos exames e arquivos quando for preciso encontrá-los por data ou por filtro.

Assim, a evolução do tratamento do paciente se torna bastante clara e você não sofre com a perda de informações.

Um dos principais receios que os profissionais costumam ter quanto a adoção do prontuário online é a perda de informações já existentes a respeito do paciente e a necessidade de ter que começar tudo do zero.

Mas, é possível ter essas informações e prontuários antigos integrados em seu sistema! Você deve procurar um sistema com a possibilidade de anexar o prontuário antigo escaneado. Assim, você não perde a evolução do seu paciente e elimina o acúmulo de papel na sua clínica.

Sobre o autor:

Felipe Lourenço é especialista em Informática e Gestão em Saúde pela Universidade de São Paulo (USP). É co-founder & CEO do iClinic, um software online de gestão que organiza as informações de clínicas e consultórios de maneira simples e intuitiva, tornando os processos mais inteligentes e produtivos.

Receba nosso conteúdo VIP